Manutenção Produtiva Total, ou TPM: confira seus 8 pilares de sustentação

Neste post você verá:

Se você ainda não conhece o conceito, a origem, os benefícios e as vantagens da Manutenção Produtiva Total para a área de manutenção da sua empresa, sugerimos a leitura do nosso artigo Manutenção Produtiva Total: quais são as suas vantagens?, que está disponível também aqui no blog.

E caso você já seja um conhecedor do assunto e esteja apenas procurando uma solução tecnológica para fortalecer este processo na busca por resultados positivos, a grande dica do dia é conhecer o MNT, a solução da NG Informática para Manutenção de Ativos. É possível solicitar uma demonstração gratuita através do link abaixo.

Manutenção Produtiva Total, ou TPM: confira seus 8 pilares de sustentação

 Agora, vamos ao conteúdo!

Manutenção Produtiva Total, ou TPM: confira seus 8 pilares de sustentação

Ela busca engajar toda a empresa, além do próprio time de manutenção de ativos, para contribuir diretamente para o aumento dos índices de disponibilidade, eficiência e qualidade de máquinas e equipamentos.

Agora, confira 8 pilares essenciais utilizados pela TMP para garantir esses resultados.

  • Manutenção autônoma

Capacitação constante de funcionários operadores de máquinas e equipamentos, para que se envolvam na rotina de manutenção e promovam melhoria contínua e cuidado com os ativos.

  • Manutenção planejada

Planejamento da manutenção, objetivando quebra zero e aumento da eficiência e eficácia dos equipamentos. Aqui entram as manutenções preditivas e preventivas, por exemplo. Se necessário manutenção corretiva, ela deve ser altamente eficiente.

  • Melhorias específicas

O envolvimento de times com conhecimento diversificado, compostos por perfis como engenheiros de processo, operadores e manutentores, aumenta as chances de melhorias nos processos e solução de problemas. O que, por sua vez, reduz o número de quebras e aumenta a eficiência global do equipamento.

  • Educação e treinamento

Mão de obra mais capacitada, implica em manutenção de melhor qualidade. Por isso, educação e treinamento devem ser contínuos, incluindo acompanhamento dos avanços tecnológicos na área.

  • Manutenção de qualidade

Com o controle de materiais, máquinas, mão de obra e métodos, deve-se buscar constantemente zero defeito e a geração de condições ideais de alta qualidade. Com acompanhamento do trabalho e inspeção dos padrões que mantêm essas condições ideais definidas com o passar do tempo.

  • Controle inicial

Analisar detalhadamente produtos e equipamentos de forma antecipada a sua fabricação ou instalação, para focar energia na criação de produtos fáceis de fazer e equipamentos fáceis de utilizar.

  • TPM administrativo

As áreas administrativas fornecem recursos às atividades de produção. Criar escritórios de alta eficiência aumenta a qualidade e a precisão das informações supridas por estes departamentos à produção e demais áreas da empresa.

  • Segurança, saúde e meio ambiente

Assegurar a saúde e segurança no trabalho e prevenir impactos ambientais adversos, além de ações fundamentais,também motiva os funcionários, zela pela imagem da empresa e ajuda a conquistar mais clientes.

A TPM ou manutenção produtiva total não está a tanto tempo figurando entre as boas práticas na manutenção de ativos à toa não, é mesmo? Por isso, sua empresa precisa lançar os olhos sobre seus pilares e buscar aliados para colocá-los em prática!

Gostou do conteúdo?

Se você gostou do conteúdo e quer mostrá-lo para a sua equipe, seus colegas de trabalho ou até mesmo os seus líderes, nós criamos um infográfico completo e intuitivo para isso! Para baixar gratuitamente, basta seguir os passos a partir do link abaixo. Bom trabalho!

 Manutenção Produtiva Total, ou TPM: confira seus 8 pilares de sustentação