Como as tecnologias vestíveis podem ajudar a reduzir o absenteísmo

Neste post, você verá:

Agora, se você já sabe a importância da redução do absenteísmo, conhece boas práticas para alcançar este objetivo, e está apenas buscando a solução ideal para iniciar estes processos na sua empresa, nós selecionamos um eBook completo e gratuito sobre como escolher o melhor software para Medicina e Segurança do Trabalho. Para baixá-lo, basta clicar no link a seguir.

Como as tecnologias vestíveis podem ajudar a reduzir o absenteísmo

Mas, se você ainda tem alguma dúvida sobre o assunto, vamos ao conteúdo!

Como as tecnologias vestíveis podem ajudar a reduzir o absenteísmo

O absenteísmo é um problema comum nas empresas de diversos setores. Alguns estudos mostram claramente essa realidade. Em 2015, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mostrou que cerca de 14 milhões de pessoas faltaram ao trabalho por motivos de saúde, nas duas semanas anteriores à realização da pesquisa.

Outra pesquisa realizada pela Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), revelou que quase cinco milhões de brasileiros estiveram afastados do seu ambiente de trabalho por questões relacionadas à segurança e proteção. A ausência do funcionário no trabalho acarreta compromete a produtividade e o engajamento do colaborador em relação à cultura profissional.

Qual a importância da Medicina e Segurança do Trabalho para reduzir o absenteísmo?

O setor de Medicina e Segurança no Trabalho é multidisciplinar e tem como objetivo principal a prevenção de riscos profissionais. Infelizmente, ainda nos deparamos  com empresas desinformadas. Ter dificuldades de solucionar assuntos ligados aos problemas de saúde dos funcionários e acidentes no trabalho é bastante comum.

Felizmente, um maior número de pessoas já compreende que as doenças profissionais são aquelas  decorrentes da exposição dos trabalhadores aos riscos ambientais, ergonômicos e ou acidentes. A fim de reduzir as situações que provocam o absenteísmo, as empresas estão  criando campanhas de vacinação, prevenção, ginástica laboral e programas de check-up.

As ações relacionadas à segurança e à saúde ocupacional do trabalho são de grande ajuda para reduzir o absenteísmo. Muitas vezes, o colaborador precisa estar envolto pela informação. Somente assim, por exemplo, é capaz de reconhecer a importância do uso de Equipamentos de Proteção individual (EPIs), que são fundamentais para reduzir o risco de acidentes no trabalho.

No entanto, metodologias inovadoras para ajudar os empresários a reduzir o absenteísmo têm sido desenvolvidas. Muito se tem falado da importância das tecnologias vestíveis (wearables) no rastreamento e monitoramento da saúde dos funcionários. Atualmente, as tecnologias que se pode vestir têm se tornado cada vez mais comuns nas empresas. Mas, de que forma o uso de tecnologias vestíveis pode ajudar na redução do absenteísmo?

Tecnologias Vestíveis: uma aliada para reduzir o absenteísmo?

Pulseiras e relógios que possuem processadores próprios e são capazes de se conectar ao seu smartphone, enviando lembretes e monitorando a saúde do seu usuário são cada vez mais uma realidade. Dispositivos baseados em pulso como o FitBit, Nike FuelBand e Jawbone UP  podem gravar informações relacionadas à saúde, fitness, qualidade do sono, níveis de fadiga e localização.  

As tecnologias wearable ultrapassaram fronteiras e estão agora sendo usadas ​​por empregadores que integram esses dispositivos em programas de bem-estar dos funcionários. Em 2013, a BP America foi uma das primeiras empresas a introduzir pulseiras FitBit nos seus funcionários. Desde então, muitas outras empresas têm seguido o mesmo caminho e o cenário prevê que essa tendência se intensifique nos próximos anos. Apple, Google ou Samsung são outros exemplos de pioneiras em tecnologias vestíveis.

Hoje os empresários estão munidos de um painel de informações importantes sobre os seus funcionários. O que é vantajoso para um maior controle e monitoramento das causas que levam ao absenteísmo.

Os smartwatches são apenas um dos itens de uma vasta gama de tecnologias vestíveis que têm ganhado popularidade nos últimos anos com o crescimento da chamada Internet das Coisas (Internet of Things-IoT). A grande maioria das tecnologias vestíveis dependem de outros dispositivos, como os smartphones, para a conexão ou o processamento de dados.

Além dos relógios, as pulseiras, anéis, peças de roupa, capacetes e óculos são outras várias opções no mercado. O sucesso destas tecnologias tomou tamanha proporção, que a gigante Amazon criou uma área específica para as tecnologias wearable.

Acredita-se que em breve esses aparelhos poderão monitorar com uma maior precisão a saúde humana, e irão acrescentar informações valiosas para pesquisadores e estudiosos na luta contra diversas doenças e problemas. Além disso, haverá uma melhora no nível de aprendizagem sobre as funções do nosso corpo. Os aparelhos de tecnologia vestível podem ajudar a ciência a expandir sua base de coleta de informações significativamente, garantindo uma maior confiabilidade em estudos e outras medições.

Transformação digital: uma ferramenta essencial nas áreas de Medicina e Segurança no Trabalho

Às vezes é difícil de conseguir organizar todas as questões de Medicina e Segurança no Trabalho. Por isso existem softwares que podem ajudar a otimizar o setor. Encontrar uma solução tecnológica que atenda às necessidades específicas do departamento de Medicina e Segurança no Trabalho é muito importante para reduzir custos e melhorar a saúde dos colaboradores.

Veja aqui 5 dicas infalíveis para identificar uma solução robusta para Medicina e Segurança do Trabalho.

A evolução da tecnologia nos mantém conectados 24h por dia aos colegas, às notícias, à empresa e à família. A população brasileira, aliás, de acordo com o que foi divulgado pela revista Exame, é a que mais tempo passa online. Então, por que você não aproveita essa tendência a uma conectividade elevada para se aproximar dos seus colaboradores?A tecnologia é um instrumento eficaz e deve ser considerada uma grande aliada nesse setor. Os Gestores e profissionais de segurança e saúde ocupacional no trabalho devem agir juntos e realizar investimentos em segurança, visando uma rotina menos perigosa para os seus funcionários e um acompanhamento de estatísticas abrangente, levantando dados detalhados sobre acidentes e riscos. Assim, é possível identificar quais atividades são menos seguras e onde é preciso investir de maneira efetiva para a prevenção. Lembre-se, focar em tecnologia é desenvolver a segurança do próprio negócio.

As possibilidades para os dispositivos vestíveis são ilimitadas e é animador observar para onde as empresas estão levando essa tecnologia. Utilizando os dados gerados a partir desse tipo de dispositivo, as empresas podem aprender como o comportamento humano impacta na produtividade, desempenho, bem estar e satisfação no trabalho. O uso de roupas inteligentes para monitorar os sinais vitais e a saúde dos trabalhadores tornou-se uma realidade.

O ponto mais importante é o impacto que a tecnologia poderá na vida pessoal dos usuários. Os aparatos trazem benefícios em várias atividades, desde equipamentos de desporto que motivam, monitoram e impulsionam uma vida mais saudável, até aqueles que melhoram a mobilidade, a audição, a própria qualidade de vida. A experiência com os dispositivos wearable tem mostrado que o limite para a criação é o da imaginação!

Como as tecnologias vestíveis podem ajudar a reduzir o absenteísmo

Scroll Up